Reunião para debater transmissão de dados do LSST

16 de fevereiro de 2017 | LIneA

Um grande desafio do projeto Large Synoptic Survey Telescope (LSST) é o de transferir dados rapidamente do telescópio localizado no Cerro-Pachón, Chile, ao centro de acesso aos dados sendo montado no National Center for Supercomputing Applications (NCSA) localizado na cidade de Urbana, Illinois, nos Estados Unidos. Como a rota a ser usada para esta transferência envolve várias organizações na América Latina e nos Estados Unidos, foi formado o South American Astronomy Coordination Committee (SAACC) para coordenar os esforços e planejar a implantação da rede capaz de atender às demandas do projeto LSST. Esta comissão se reúne periodicamente, sendo que o último encontro foi realizado na Universidade Internacional da Flórida (IFU), localizada em Miami, nos dias 10 e 11 de Janeiro com a participação de representantes da área de astronomia (ALMA, AURA, LIneA, LSST e NRAO), computação (NCSA) e dos provedores de serviço na América Latina e Estados Unidos (AMPATH, ANSP, ESnet, INTERNET2, RedCLARA, REUNA, RNP). Embora um dos principais casos de uso seja a detecção de transientes e a difusão de alertas, existem várias outras demandas como acesso a dados arquivados em diferentes locais e a necessidade de transferir grandes volumes de dados para diferentes plataformas de processamento, estes de particular importância para o LIneA tendo em vista seu objetivo de operar um centro regional de acesso a dados do LSST.

blank
Foto dos participantes na reunião do SAACC com a participação de representantes brasileiros da ANSP, LIneA e RNP.

Deixe um comentário